E-commerce fora da crise de 2016

Setor de E-commerce cresce a taxa de dois dígitos e está fora da crise dos últimos anos. Dentre as alternativas para quem está começando, estão os Market Places.  O gasto dos consumidores está migrando para o online. Por isso, a área é considerada fora da crise por crescer a dois dígitos em época de crise. A revolução do E­commerce tem surpreendido até mesmo chefes de marketing. Até mesmo os varejistas hoje precisam se adaptar a um novo jeito de vender seus produtos nas lojas físicas, o conteúdo relevante virou parte essencial dos alinhamentos do consumidor com a marca. E as tendências mudam a todo momento. O Google hoje, fatura mais de 15 bilhões com o Adword e o Facebook, em torno de 6 bilhões com seus anúncios. Pode ter certeza que grande parte vem do E-commerce e de seus market places (O Mercado Livre é o principal que vem à mente quando pensamos em conceitos 'market places'). Claro que o objetivo de todo empreendedor é sempre impulsionar suas vendas. Mas gerar leads (e­mails deixados no site) e trabalhar o funil de vendas através de cupons, conteúdo e e­mail MKT tornou-se uma bela ferramenta de mkt de baixo custo e alto valor agregado. Conteúdo gera tráfego, tráfego gera leads e leads convertem em vendas. Estamos migrando agora para um conceito de Re-targeting de conteúdo, hoje em dia. Para quem não sabe, re-­marketing e re-­targeting é aquele [...]

Estabelecendo metas com o Google Analytics 

O Webanalytics trouxe uma verdadeira enxurrada de dados para as campanhas online. Mas tudo começou mesmo com o Google, por isso vou me ater a ele. Sempre tivemos um impasse na área de publicidade para mensurar o retorno de uma propaganda, e basicamente o Google Analytics botou uma pedra nesse assunto. Não há exagero algum dizer que mensurar o sucesso das suas campanhas onlines tornou-se mandatório. O Google Analytics, por exemplo, possui três dimensões: audiência, aquisição e conportamento. Os relatórios possuem uma hierarquia de dimensões secundárias e até terciárias - customizáveis, para qualquer página que você queira inserir o Tracking Code. Você também pode fazer isso com a sua primeira campanha, a segunda e assim por diante se estiver durante uma época sazonal, por exemplo o Dia dos Namorados. Uma ferramenta poderosa dentro de aquisição é poder estabelecer metas (que podem ser o e-mail que um visitante deixou no seu site, clique em botões para visualizar um vídeo, e o tempo mínimo de permanência do visitantr que você quer atingir no seu site). Cruzar os dados, é na verdade, o que faz toda diferença. Veja: Quem ficou mais tempo asssitindo o vídeo (audiência), gostou mais do vídeo 1 ou do 2 (teste A/B), veio de mídias sociais ou de links patrocinados (comportamento)? Os testes A/B são uma ótima ferramenta na geração de leads, uma vez que [...]